quarta-feira, 27 de agosto de 2008

A VERDADEIRA HISTÓRIA DO FUNK

FUN = FUNKE por fim FUNK palavra inglesa que significa todo mundo junto, divertir, embaraço, essa palavra veio junto com a música originária do Bronx, um bairro de nova york onde surgiu o ritmo que se espalhou rapidamente pela américa e depois para o mundo.
Nessa época (dec anos 80) o DJ, era atração dos eventos feitos pela comunidade negra
um deles era Grandmaster Flash , Kurstis B. com o uso de novos equipamentos a qualidade melhorou aumentando mais djs na produção da música mais sintetizadas EXEMPLO : 1987 DIMPLES TEEcom o hit jelous fella´s e MC ADE são vários sucessos como bass mechanic. da train(1989), night mare on a.d.e, 1989 FRESH CELESTE, STEPHANIE com o hit get away (1989), GUCCI CREW 2 foram vários sucessos booty shake, truz e vogue, DYNAMIX 2 com o hit ignition, THE BOYS FROM THE BOTTOM mama e slay dem ho´s , tendo grupos com mais projeção fora do país como o 2 LIVE CREW com o album is what we are, pela gravadora luke skywalker lançada aqui no Brasil pela Epic em 1986.
Era uma tendencia que quase obrigatória fazer música com com bases sintetizadas isso ocorreu com kraftwerk, duran duran, Debie Gibson entre outros cantores de outros seguimentos.
Mas o funk já estava no sangue latino desde quando foi criado nos Estados Unidos onde teve a maior aceitação pelos latinos , principalmente em MIAMI onde tinham mais shows e
onde a maioria dos latinos se encontram e grande quantidade, por isso a explicação de fácil aceitação desse ritmo aqui no Brasil, por tanto os artistas de maior sucesso no Brasil foi STEVIE B e TONY GARCIA produtor musical de cantores latinos como Reinaldo, Tiana, Nyasia, Ray Guell, Johnny o, entre outros, nessa época o funk no Brasil tinha aceitação dentro das comunidades mas não tinha projeção na mídia por ser uma música estrangeira de difícil entendimento pela lingua inglesa, o ritmo conquistava pessoas pela batida sintetizada,
a caixa baixa, o tarol fino e seco, e o baixo grave e forte, ao ponto das caixas de som não guentarem a frequencia.
O FUNK chegou no Brasil quase na mesma época que faziam sucesso na américa do norte(miami bass), trazidos pelos DJS do Rio de Janeiro, alguns já se foram, mas não seram esquecidos como Mecier Lima, Eduardo , Sergipe, Fernandinho entre outros que contribuiram , passando os discos em vinil para os DJS de todo o Rio de Janeiro, e cada um tocando nos quatro cantos do Rio .
As melhores equipes de som encontravam se no Rio fazendo shows dentro e fora do estado, onde a atração dos bailes eram os DJS(OBS:velhos tempos em que o DJ tinha valor) e os duelos feitos pelas equipes de som.

O DUELO

A Competição era feita da seguinte forma, a equipe que tivesse o som mais alto, mais apurado (OBS: O número de caixanão contava)e que o DJ fizesse uma sequencia de musica com sucessos intermitente sem que o público não parasse de dançar a equipe vencia.
O DUELO 2ª GERAÇÃO

Além desses atributos citados anteriormente estava chegando um funk mais nacional feito pelos DJS do Rio, com a chegada do mixer(uma mesa de som que o DJ usava para fazer mixagem com memória de 10 a 12 segundos de gravação do que quizer) por incrível
que pareça um dos precursores do novo funk não são conhecidos nem citados no atual
mundo FUNK dentre eles o DJ Fabinho neurosampler , o DJ Jeferson , DJ Marco Aurélio, Carlinhos, ´DJ´S Caboy e Jack, DJ Dedé,DJ LuchoPintinho DJ, DJ Jorge Maluco, DJ Carlinhos, DJ Charles, DJ Washington,DJ Adriano,Cientista DJ, Pura, DJ Mamut,DJ Magrão, DJ Ratinho, Marcelinho,DJ Humberto, DJ Sussa e outros que pesso desculpas se não citei pela falta de arquivamento dessa época, nascia um novo FUNK chamado de MONTAGEM com samples de funk de grandes sucesso internacional nos bailes, ali os DJS estavam dando um fim ao funk(miami bass)
O Lado negativo desse movimento chamado de MONTAGEM (nome do novo ritmo funk na de de 90) é que começou a colocar gritos de guerra dos grupos de cada comunidade, e consequentemente cada local tinha uma gangue, e quando se encontravam nos bailes
havia não só disputa de gangues numerosas, como brigas que acabavam em mortes,
visto pelo lado financeiro as equipes lucravam mas pelo lado social , o novo movimento funk estava sendo visto de forma violenta, isso não era bom, tendo em vista algumas equipes que não queriam acabar com isso , dividindo a opinião de outras equipes,
vindo em seguida o MC (o que é o mc ? ) eram justamente o mesmo público que frequentava os bailes funk do Rio , naquele momento os os mesmos DJS que trouxeram o funk para o Brasil eram os mesmos que enterravam o funk de raiz(MIAMI BASS).

NOVA ERA FUNK

UM desses sucessos foi o MC Marcinho com o rap do solitário que o Brasil todo cantava,
daí foi inevitável , um atrás do outro como Danda e Tafarel , Mascote, Nenem , Suel e Amaro, Cacau, Sabará, André e Bonga, MC Nenzinho e outros que contribuiram no começo do funk no Rio.
A BASE DO FUNK

No Começo a base do funk continuava com a batida do funk internacional chamado de volt mix (nome de uma música do DJ UNKNOW que os DJS usavam a versão) instrumental para os mcs cantarem em cima, depois foi usado a música do HASSAN
pump up the party (instrumental). diga se de passagem a produção do Stevie B.

A EVOLUÇÃO DO FUNK

Mas o funk só teve uma aceitação notória depois que as produções tiveram melhoria nas suas bases instrumentais , os DJS já fazem suas próprias bases sem depender quase nada da produção internacional , somente alguns samples mesmo sem a autorisação legal
Hoje em dia essa música que inspirou os cariocas que hoje é chamado de funk agora
ocupa os espaços do mundo europeu onde é chamado de break beat ,trance.
e no Brasil adolescentes ficam sem saber da verdadeira hitória do funk.

OLHO GRANDE NÃO ENTRA NA CHINA

e com isso num passado já distante digo que quando nacionalisaram o funk perderam uma grande oportunidade de batizar esse ritmo num nome nacional que poderia ser BATIDÃO , BALANÇO ou qualquer nome que não vinculasse o nome FUNK, aí sim
poderiamos dizer que o funk é nosso.

6 comentários:

mariane disse...

A MELHOR COISA DO MUNDO PRA MIM E UM FUNK

William Santos disse...

Boa noite, meu nome é William Santos sou estudante de Musicoterapia e gostaria de conversar com os autores do BLog sobre o FUNK. Queria saber um pouco mais, pegar mais nomes e me aprofundar um pouco nessa história para poder ajudar na minha monografia, se possível fosse entrar em contato via e-mail eu serei grato. edm.will.mt@gmail.com

abraços!!!

ALBERTO DJ disse...

VELHOS TEMPOS DE GRANDES PRODUÇÕES
ERA O FREE- STYLE O MELODY ESSE FUNK DE HOJE ESTÁ MUITO PORNOGRAFADO E ACREDITO QUE TRARÁ GRANDES PROBLEMAS PRA NOSSA JUVENTUDE
SALDADES !!

dj david o terros dos bailes disse...

cara eu tenho 18 anos, nao cheguei a pegar o funk verdadeiro, esse de raiz, mas como eu queria ter nascido nessa epoca soh pra poder curtir esse verdadeiro funk.
pq esse de agora, com essa base, esse efeitos cara nao acho graça nem uma, soh sabem falar em dinheiro, p*ta*ia so falam m*rda nao tem nada ah ver .

Anônimo disse...

Boa noite, você só esqueceu de começar pelo "começo". Na realidade o funk começou muito antes do que você diz (1980). Começou lá pelo final da década de 60, início da década de 70, tendo um dos maiores nomes James Brown. O que tentamos ouvir hoje é só barulho, sem melodia ou harmonia, com letras que só falam sacanagem. Me recuso a aceitar isso como música, muito menos como um estilo que lançou grandes nomes da música mundial. Hoje é só culto ao lixo.

Anônimo disse...

Opa! Acho sempre valida as manifestações a respeito desse estilo. Apesar de as pessoas que sabem a origem i tudo estarem de saco cheio de explicar, sempre tem algué que se dá o trabalho! vou me dar o trabalho também hoje. toco funk, sou baixista e pra um baixista de funk td é muito claro certo? então... a batida, ou o batidão do funk "hiphopado" do Rio, inclusive sou carioca, tem origem no simplismo do funk, é funk? sim é funk, assim como credence e rush também é rock, ou seja, o que caracteriza o ritmo não depende de sua complexidade, acho um afronto ao funk o batidão? sim, mas tem batera de funk que não faz o que sample faz e isso é triste! musico é musico! bota um musico atras da batera eletrônica, bota um baixista e um vocal de responsa e bota quem vc quiser desde que saiba tocar! let funk be free! n'enjoy!
este é o espirito! td mundo junto!
valeu?
Abraço!